Mercado de Cafe

12 Mai 2022

Café tem dia de baixas, ainda monitora frio, mas cai 460 pontos em Nova York

O mercado futuro do café arábica encerrou o pregão desta quinta-feira (12) com desvalorização para os principais contratos na Bolsa de NY. CAFE NY JUL/22 -4,60 215,30

O mercado futuro do café arábica encerrou o pregão desta quinta-feira (12) com desvalorização para os principais contratos na Bolsa de Nova York (ICE Future US). Após o susto imediado com as previsões de uma onda de frio para semana que vem em áreas cafeeiras do Brasil, o mercado realizou ajustes nos preços, o que já era esperado por analistas. 

Julho/22 teve queda de 460 pontos, negociado por 215,30 cents/lbp, setembro/22 registrou queda de 445 pontos, cotado por 215,35 cents/lbp, dezembro/22 teve desvalorização de 430 pontos, negociado por 215,05 cents/lbp e março/23 teve baixa de 425 pontos, cotado por 214,30 cents/lbp. 

De acordo com o Inmet, a tendência é que o ar frio comece avançar para a região Central do país entre domingo e segunda-feira (16). Os modelos indicam declínio de até 12º graus nas temperaturas em algumas áreas da região Central, como por exemplo, no Paraná, São Paulo, Mato Grosso do Sul e sul de Goiás, sul do Mato Grosso e Minas Gerais. 

Além das condições climáticas, no Brasil outros fatores chamam atenção do setor. A colheita começa  do café arábica ainda acontece de forma muito pontual, mas a produção vai se consolidando em menor escala conforme prevista pelas lideranças do setor.

Os problemas logísticos também continuam no radar, o Cecafé informou que os embarques do mês do abril registraram queda de 34% em relação ao mesmo período no ano passado. Os impasses com a Covid-19 na China acendem novo alerta no setor já que a logística não está 100% restabelecida. 

Na Bolsa de Londres, o café tipo conilon também teve um dia de baixa. Julho/22 teve queda de US$ 20 por tonelada, negociado por US$ 2058, setembro/22 registrou queda de US$ 19 por tonelada, negociado por US$ 2061, novembro/22 teve baixa de US$ 16 por tonelada, valendo US$ 2057 e janeiro/23 registrou queda de US$ 15 por tonelada, valendo US$ 2054. 

No Brasil, o mercado físico acompanhou e também teve um dia desvalorização nas principais praças de comercialização do país. 

O tipo 6 bebida dura bica corrida teve queda de 1,52% em Guaxupé/MG, negociado por R$ 1.300,00, Poços de Caldas/MG teve queda de 0,76%, valendo R$ 1.300,00, Araguarí/MG teve queda de 1,54%, negociado por R$ 1.280,00, Varginha/MG teve queda de 2,27%, negociado por R$ 1.290,00 e Franca/SP teve baixa de 1,52%, valendo R$ 1.300,00. 

O tipo cereja descascado teve queda de 1,46% em Guaxupé/MG, valendo R$ 1.350,00, Poços de Caldas/MG registrou queda de 0,70%, negociado por R$ 1.410,00, Varginha/MG teve baixa de 2,88%, valendo R$ 1.350,00 e Campos Gerais/MG teve alta de 1,44%, negociado por R$ 1.370,00. 

Fonte:
 Notícias Agrícolas

 

Mercado de Cafe
Sem registro de geada desta madrugada cotações do café caem mais de 4% em Nova York

O mercado futuro do café arábica voltou a cair de forma expressiva no pregão desta quarta-feira (18) na Bolsa de NY. CAFE NY JUL/22 -9,60 217,60
18 Mai 2022
Café tem dia de monitoramento do clima no Brasil e avança 1,07% em Nova York
O mercado futuro do café arábica encerrou as negociações com valorização para os principais contratos na Bolsa de NY. CAFE NY JUL/22 2,40 227,20
17 Mai 2022
Frio entra no Brasil e café volta a subir mais de mil pontos em Nova York
Café arábica encerra mais de mil pontos na Bolsa de NY. A preocupação com o risco de geada em áreas produtoras de café do Brasil sustenta os preços. CAFE NY JUL/22 10,90 224,80
16 Mai 2022
Com onda de frio prevista para o Brasil, café tem dia de explosão e encerra com 7,90% de valorizac
11 Mai 2022
O mercado futuro do café arábica encerrou as negociações com valorização com o mercado reagindo a previsão de geada em áreas de produção de café do Brasil.
De olho nas condições do Brasil e com menos preocupação com oferta, café tem dia de queda
10 Mai 2022
A terça-feira (10) foi marcado por mais um dia de desvalorização para o mercado futuro do café arábica na Bolsa de NY. CAFE NY JUL/22 -2,30 203,80
Café acompanha demais commodities e recua mais de 2% em Nova York
09 Mai 2022
O mercado futuro do café arábica também recua forte para os principais contratos no pregão desta segunda-feira (9) na Bolsa de NY. CAFE NY JUL/22 -4,35 206,10
Preocupação com demanda volta a pesar e café recua mais de 500 pontos em Nova York
06 Mai 2022
O mercado futuro do café arábica encerra com forte desvalorização para os principais contratos no pregão desta sexta-feira (6) na Bolsa de NY. CAFE NY JUL/22 -6,80 210,45
Café tem dia de valorização em dia marcado pelos números de produção e exportação da Colômb
04 Mai 2022
O mercado futuro do café arábica encerrou a quarta-feira (4) com valorização para os principais contratos na Bolsa de NY. CAFE NY JUL/22 2,85 220,80
Café: NY continua com suporte no dólar e avança de forma técnica nesta 3ª feira
03 Mai 2022
O mercado futuro do café arábica encerra com leve recuperação para os principais contratos no pregão desta terça-feira (3) na Bolsa de NY. CAFE NY JUL/22 2,05 217,95
Café tem queda com suporte no dólar e volta a encerrar abaixo dos 220 cents/lbp
02 Mai 2022
O mercado futuro do café arábica voltou a ser negociado abaixo dos 220 centavos de dólar por libra-peso na Bolsa de NY. CAFE NY JUL/22 -6,20 215,90
www.investbras.com.br
Contato
Fone: (34) 3832-0300
Rua Cesário Alvim, 1342 – 2º Piso, Sala 3
Centro - Patrocínio-MG
CEP 38740-040
Notícias sobre:
Investbras
Agente Autônomo de Investimentos

Ouvidoria Terra Investimentos
0800 940 0406